Saudades


Hoje é dia em que o coração fica apertado, a saudade aumenta.

Se passaram quatro anos desde que minha amada mãe ascendeu ao mundo espiritual, ao qual tanto ansiava.

Todos os dias me lembro dela com carinho e amor.

O tempo voa, mas a saudade é enorme. Saudade das conversas e confidências no café da manhã; da comidinha preparada com toda a dedicação; das manias engraçadas; dos talentos adivinhatórios; da generosidade; do saber cuidar de todos e da risada gostosa quando contava as histórias de sua infância e juventude.

E aí, vem a saudade de meu amado pai, sempre com seu humor inteligente, com tiradas que até hoje me fazem sorrir sozinho quando estou repassando os dias que vivemos juntos nessa terra.

Geniplo e Anita

Comida igual ninguém fazia, motivo de reunir família e amigos para apreciar esse dom maravilhoso. Sempre atento aos desejos dos que com ele conviviam…

Sou grato a Deus por ter me dado uma família tão maravilhosa.

Que eles hoje possam, nos mundos de Bahá, contemplar as maravilhas que Deus destinou as seus amados.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s